Shimeji, oba!

Quem quer uma receitinha rápida e fácil de espaguete  com  esses ingredientes-delícia levanta a mão 🙋🏻🙋🏻🙋🏻 

  

Anúncios

Uma carne pra quem não sabe fazer carnes

Não sou boa pra carnes. Não sei fazer, não consigo limpar, não tenho ideias, nunca dá muito certo. Rola uma frustração aqui viu 😣

Mas testei uma receita que serve certinho pra pessoas como eu: bem fácil com cara (e sabor!) de elaborada. E o melhor: sem gordura extra nenhuma!!!

Usei uma peça média de fraldinha, que por deeeeus o marido limpou pra mim. Temperei com sal (fino mesmo), alho picadinho (daquele pronto), molho inglês (pode caprichar que combina super) e mostarda (idem).

Se tiver tempo, deixa essa carne temperadinha (é só alisar bem espalhando todos esses temperos nela) durante a noite na geladeira. Eu não tive (ah vá!) e ficou apenas uma hora (bom, mas certamente o tempero pode pegar mais).

Então o segredo: não é assada, é de panela de pressão. E sem água!! Sim, confia que dá certo dondicasa 😂

Basta forrar de cebola em fatias grossas a panela de pressão, colocar a peça de fraldinha com a gordura pra baixo e então cobrir de cebolas também. Foram cinco cebolas aqui pessoal, mas realmente são necessárias, pois o cozimento se dá na “água” delas.

É só isso. Nada de óleo, nada de água. Após pegar pressão, conta cerca de 45 minutos (eu abri antes pq sou dessas e acabei voltando mais uns 10 minutinhos). Fica macia, saborosa e quase caramelizada por causa das cebolas.

Recomendo fortemente pra quem, como eu, está em busca de carnes gostosas e práticas pra confundir com amor num almoço de domingo ❤️

Servi com um macarrão fácil também, ao molho de páprica, que é da receita de almôndegas assadas deliciosas que aprendi recentemente (quem quer receita?).

Jantar leve e mega fácil 

Agora, mais do que antes, preciso de duas coisas quando vou confundir comida com amor: praticidade e opções saudáveis. 

Um bebê de dois meses em casa requer que tudo o que não for cuidado com ele seja mega RÁPIDO. E uma mamãe que amamenta e tem muuuuuitos quilos a perder precisa de refeições leves e nutritivas.

Olha que dica boa pro jantar: peixe assado com purê de mandioquinha e brócolis ao alho.

Cozinhei um brócolis ninja orgânico no vapor e passei rapidamente no azeite com alho e sal rosa.

Cozinhei seis mandioquinhas na água, amassei com uma colher de sopa cheia de manteiga, sal, noz moscada e um pouco de leite desnatado.

Temperei os filés de saint-peter com sal e lemon peper (da Bombay) e levei ao forno numa forma forrada com papel alumínio e um pouquinho de azeite.

Ficou gostoso! 💚

 

Paçoca de travessa

Cadê a carinha de vergonha pra postar aqui antes de começar esse post, depois de mil anos de abandono?

Sorry! Tarra de férias, depois descobri que logo confundirei papinha com amor (sim, tô grávida ❤ ), aí veio a falta de disposição em decorrência da gestação, e então a completa falta de tempo para meu bloguinho querido por causa do trabalho (haja hora extra 😦 ).

Mas tô aqui pra falar de comida e coisa boa (sinônimos). E então quero compartilhar a receita dessa sobremesa bem gordinha que preparei com carinho pro aniversário da minha mãe: a paçoca de travessa.

travessa de paçoca

Primeiro, vc prepara um creme desses bem básicos, com: 1 litro de leite, 4 colheres de maizena, 1 leite condensado, 4 gemas e 1 colher de baunilha. Não esquece de peneirar as gemas, pra não ficar com aquele cheirinho chato de ovo. Você leva ao fogo, mexendo sempre, até engrossar, e desliga. Ele não fica doce, mas acho ideal pois depois a paçoca fará essa função.

À parte, vc derrete 500g de chocolate meio amargo (eu faço no micro-ondas, picadinho leva menos de 2 minutos) e mistura a uma caixinha de creme de leite.

Pra montagem, vc precisa de uma travessa grande. Coloca metade do creme, metade do ~ganache~ que vc preparou acima (chocolate+creme de leite) e umas 10 paçocas quebradas à mão. Então, vc repete: creme, chocolate e paçoca. E fim! Mais fácil impossível, né?!

Fica bem mais gostoso se for bem gelado, então o legal é preparar com antecedência e deixar pelo menos umas 4 horas na geladeira. Mega calórico, mega abraço interno, facilmente confundível com amor ❤

Red velvet de caneca e saudável

É de caneca, é de menina, é bolinho cor de rosa. Quando você imaginou fazer uma versão saudável e fofa do red velvet? Receita especial da Dotôra Mishy pros leitores do Confundo, tem mais ❤ que isso?

red velvet mishy

“A foto engana master, pois esse red velvet não passa de banana, beterraba e queijo!

Amassei meia banana com 1 ovo e 2 colheres (sopa) de farinha de aveia. Pra ficar rosa, o segredo: pó de beterraba. Usei 1 colher (chá) e complementei com 1 pitada de bicarbonato de sódio. Para dar um tchans, 2 quadradinhos de chocolate amargo picadinhos. São 2 minutos e 20 segundos no micro-ondas e pronto. Pra cobertura, usei creme de ricota com stevia, mas funciona com cream cheese, é só tirar da geladeira para amolecer um pouco. Ah, e pode adicionar baunilha!

Tá feito, bolinho cor de rosa. E já pode falar que comeu beterraba hoje 🙂 “

 

Essa dotôra não é incrível? Muitos ❤ pra vc, Mishy!!!

PS.: Essa farinha de beterraba pode ser encontrada nesses locais naturebas maravilhosos, em que compramos todas as farinhas e cereais e castanhas e chás que amamos, tipo mercados municipais com aquele a granel baratinho, mundo verde etc. Ok?